MBA em Gestão da Manutenção - Curso Remoto

Sobre o curso

Curso MBA em Gestão da Manutenção - Curso Remoto
432 horas/aula Remotas

Sobre o curso

Nos últimos anos, no EUA, Europa e Japão a Função Manutenção passou a ter um destaque de fundamental, tornando-se uma atividade de caráter estratégico. Este fato vem se repetindo no mundo, em especial no Brasil. Comprovadamente os custos anuais de Manutenção, na maioria das empresas, estimadas por um período de 5 anos, superavam os investimentos médios anuais destas empresas no período. Apesar disso, a atenção dedicada a Manutenção pelos cargos gerenciais e técnicos de níveis superiores das empresas, era incrivelmente desproporcional. Isto acontecia por que a Manutenção era considerada como uma atividade operacional somente, onde o enfoque desta atividade se baseava no aspecto curativo, de curto prazo e os métodos empregados se direcionavam as atividades corretivas. Também, o que diferencia um país desenvolvido de um subdesenvolvido é a atenção que estes dão a Manutenção, sendo visível a qualidade de vida oferecida em países que dão atenção a manutenção no dia a dia de uma cidade, empresa, locais etc. Os Módulos que constituem o Curriculum deste Curso foram selecionadas de modo a proporcionarem um conhecimento bastante amplo e atualizado a respeito da problemática da Gestão da Manutenção, compreendendo áreas complementares e interdependentes, garantindo um aperfeiçoamento amplo, para qualquer área de atuação do profissional, e para qualquer tipo de empresa, independente de tamanho ou setor produtivo, visto que compreende a um curso de Gestão.

Este projeto contribuirá, de forma significativa em áreas de conhecimento de:
• Pesquisa Operacional;
• Engenharia de Manutenção;
• Organizações e métodos;
• Reengenharia de Processo (Organizacional);
• Probabilidade e estatística;
• Direito Trabalhista;
• Engenharia de Sistemas;
• Engenharia de equipamentos;
• Engenharia e análise de valor;
• Gestão do Ser Humano, etc.

Diferenciais

• Este curso encontra-se em sintonia com o programa da Associação Brasileira de Manutenção – ABRAMAN, bem como julgamos ser de elevado nível estratégico para o desenvolvimento econômico do nosso País;
• Parceria com a Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto- FEUP – Portugal. Possibilidade de fazer um curso de extensão e visitas a empresas em Portugal – Curso gratuito com despesas de viagem a serem pagas pelo alunos. ;
• Disciplina Exclusiva de Técnicas Preditivas;
• VISITAS TÉCNICAS – Quando possível.
• Disciplina de “Manutenção Baseada na Confiabilidade” – MBC/RCM, incluindo a base de FTA e FMEA- (Árvore de Falhas e Análise de modos e Efeitos de Falhas)
• Disciplina de Manutenção Produtiva Total – MPT/TPM- com Instrutor Internacional certificado pela JIPM do Japão- Coordenador.
• Todos os módulos são voltados ao mercado de trabalho, elevando a empregabilidade, pois são aplicados a quaisquer áreas.

Objetivos do curso

O Curso MBA em Gestão de Manutenção tem a finalidade de contribuir para a capacitação, conscientização e valorização de profissionais de nível superior, de quaisquer áreas e qualquer formação superior, proporcionado-lhes conhecimentos fundamentais e específicos, notadamente na gestão de processos, de pessoas e de resultados, contribuindo para a melhoria da qualidade e da produtividade da empresa e do crescimento das pessoas, como um fator competitivo diferenciado. Este projeto de curso tem a finalidade de estabelecer melhoria do conhecimento, desenvolvimento de novas tecnologias metodológicas com ênfase em Engenharia de Manutenção e Gestão da Manutenção, buscando principalmente estabelecer, no Brasil, o IPOG como um polo de capacitação nesta área.

Para quem é?

Qualquer empresa de qualquer tamanho, pública ou privada dentre os quais explicitamos algumas: Industrias em Geral, Empresas de Geração, Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica. Prefeituras (manutenção e limpeza urbana), Manutenção de Elevadores, Shopping Centers, Hospitais, Prédios, Condomínios, Empresas de Construção Civil, Empresas Petrolíferas, Distribuidoras de gás. Empresas de Informática, Infraero, Empresas comerciais em geral, Oficinas de Concessionárias de automóveis, Industrias Químicas, transporte Urbano e Interurbano, transporte aéreo, Forças Armadas, Empresas de Telefonia Móvel e Fixa, Construtoras, Empresa de Distribuição de água e esgotos. Secretarias de Educação- Manutenção de escolas etc.

Grade curricular

1) Probabilidade e Estatística aplicada a Manutenção
2) Sistemas Toyota de Produção- STP- Lean Manufacturing
3) Planejamento, Programação e Controle da Manutenção- PPCM
4) Manutenção Baseada na Confiabilidade – MBC/RCM
5) Manutenção Predial
6) Engenharia e Análise de custos
7) Gestão de Contratos – Terceirização na Manutenção
8) PAS 55 – Sistema de Gestão de Ativos – Requisitos e Diretrizes
9) Manutenção Produtiva Total – MPT/TPM
10) Estratégia Competitiva para Manutenção
11) Gestão de Auditoria e Avaliação de Desempenho da Manutenção- Indicadores
12) Desenvolvimento Integral do Potencial Humano

Coordenação

LUIS CORDEIRO DE BARROS FILHO, M. SC.
Engenheiro Eletricista/Eletrônico pela UFPE; Mestrado em Engenharia de Sistemas (Engenharia de Produção/ Manutenção), UFPE. Instrutor Internacional de Manutenção Produtiva Total – TPM, credenciado pela JIPM (Japan Institute of Productive Management), No 437 Mundial (40º Brasil), Nov. 1996; Curso Lead Auditor – QSP – IRCA (International Register Certificate Auditor), desde 2000. Curso de Gestão da Manutenção na Universidade de Engenharia da Universidade do Porto /FEUP -Portugal, 2001 Curso de Aperfeiçoamento em Consultor de pensamento Sistêmico pela Valença & Associados,2008. Coordenador e Professor de Pós do IPOG no MBA desde 2018. Professor do Curso de Graduação, Pós-Graduação e Extensão da Escola Politécnica – UPE, desde 1983. Professor pesquisador – Coordenador do Núcleo de Pesquisa de Engenharia de Produção, Manutenção e Qualidade, desde março de 1997. Professor criador e coordenador do curso de pós-graduação Gestão da Manutenção – GEMAN, desde 2000. Apresentação de Diversos trabalhos em Congressos Nacionais (SOBRAPO, SNPTEE, ETTEEE, ABRAMAN, ASSEMAE, ABES, MIN. DA SAÚDE, FUNASA etc.) na Área de Gerenciamento e Controle da Manutenção e Aplicações de ferramentas de Qualidade Total e TPM; Instrutor, palestrante e debatedor na Área de Qualidade Total, ISO 9000, Engenharia de Manutenção e TPM, em Cursos, auditorias da Qualidade e Seminários, na Secretaria de Educação do Estado de Pernambuco, na Planus Treinamento, na UFPE, CCON, POLI/UPE, CELPE, METROREC, DUPÉSERPRO, TELEBRÁS, CHESF, SEBRAE, DUPÉ, CIMENTO NASSAU, CEAGEP, FOP/UPE, PROPAN/UPE, ITECI, na ETENO- Polímeros. Ex-Diretor (Biênios 1997/1998 e 2003/2004) da XII Seção Regional (PB/PE/AL) da ABRAMAN (Associação Brasileira de ManutenÇão); Membro do Conselho deliberativo da ABRAMAN, desde JAN/2000; Auditor de Sistemas de Gestão da Qualidade ISO 9000 – CHESF, 1999/2000/2001. ETENO-Polímeros, desde 2000; Consultor, instrutor e examinador do Prêmio de Qualidade da Gestão Pública pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão 2001 a 2006; Membro do Comitê Técnico de desenvolvimento e melhoria dos Critérios de Excelência do Prêmio de Qualidade da Gestão Pública, pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, Brasília, desde 2003; Instrutor e Consultor Ad Hoc do Ministério das Cidades na área de Gestão Pública, desde março de 2005, sendo um dos Autores do Caderno Técnico de Gestão em Saneamento (2006). Dezenas de trabalhos publicados em congressos e trabalhos de monografias de pós-graduação orientadas.

Quero investir no meu futuro profissional! Preencha o formulário abaixo e avance na sua carreira

O IPOG

Atualmente o IPOG está presente em todos os estados do Brasil e no Distrito Federal, o que comprova o crescimento do Instituto num segmento de mercado altamente competitivo, que exige modernizações e inovações constantes.

null

A qualidade da aprendizagem aplicada é a razão pela qual 90% dos nossos alunos escolhem o IPOG.

null

Instituição de ensino presente em todo território nacional.

Junte-se a mais de 100.000 estudantes do IPOG agora