Prática Supervisionada: diferencial na formação em Coaching

Notícia

 
Prática Supervisionada: diferencial na formação em Coaching
19/07/2016

Para a Co-coordenadora da Pós-Graduação Essential Master Coaching, Dorothy Irigaray, a experiência com acompanhamento é determinante para refinar as habilidades dos coaches

Se a prática leva à perfeição, não se sabe. Mas, é fato que a prática é o que difere o bom profissional do excelente. E, quando o assunto é Coaching, quanto mais prática se tem, mais habilitado está o profissional a exercer a atividade. É assim que define a co-coordenadora do Essential Master Coaching do Instituto de Pós-Graduação e Graduação (IPOG), Dorothy Irigaray. “Qual a diferença de um profissional que já tem muita habilidade para conduzir o processo daquele que não tem tanto? Horas de voo! Na Pós-Graduação do IPOG essa pessoa vai ter o acompanhamento de profissionais com muita experiência que darão o feedback em tempo real”.

De acordo com Dorothy, essa supervisão é fundamental para os alunos em formação. Isso, ela mesma percebeu durante o próprio processo de Coaching. “Quando fui fazer o nível Sênior, nós tivemos um momento de prática, com feedback na hora e foi fantástico porque eu percebi algo que eu fazia e não tinha consciência do que atrapalhava na condução do processo”.

Aqui, no IPOG, a ação será desenvolvida entre os alunos em formação que atenderão alunos de outras especializações, que queriam se candidatar ao processo de coaching. Desta forma, os profissionais supervisionarão os atendimentos, analisando o desempenho de cada um. “Esta fase é de ajustes, de ampliação de ferramentas para o profissional conseguir fazer um processo de coaching mais certeiro, mais ágil dentro do que é possível, conseguindo resultados junto ao cliente que sejam realmente sustentáveis, gerando satisfação e desenvolvimento”, explica Dorothy.

Não basta apenas a formação inicial

Não. Não é apenas o fato de adquirir o conhecimento em si, que vai fazer de você um profissional de coaching. Para você se destacar, muito mais esforço é exigido, como o constante aperfeiçoamento na área. “Não interessa quantos certificados você tem. Se você não é capaz de fazer um trabalho com consistência, relevância e sustentação, você tem o primeiro [trabalho], mas não tem o segundo”, pontua a co-coordenadora.

E, em todo esse processo, vários profissionais das mais diversas áreas conseguem aplicar os processos do Coaching com seus clientes. Segundo Dorothy, há profissionais voltados para o Coaching de Emagrecimento, Coaching de Relacionamento e não apenas às duas vertentes mais procuradas, como o caso do Life Coaching e Executive Coaching.  

Para você, fica a dica: tem demanda e tem espaço para se dedicar e se destacar! Quer “fazer acontecer”? Conheça a pós-graduação em Essential Master Coaching do IPOG. Clique aqui. 

Confira também o bate-papo com os coordenadores deste novo curso do IPOG, clicando aqui.

Voltar

Junte-se a mais de 100.000 estudantes do IPOG agora